VOCÊ BEM-INFORMADO SEMPRE!

20.9 C
Campina Grande

VOCÊ BEM-INFORMADO SEMPRE!

Prazo para justificativas no Aluízio Campos termina hoje; saiba o que acontece

O prazo de justificativa para não ocupação dos 4100 imóveis do Conjunto Habitacional Aluízio Campos se encerra nesta sexta-feira (17). A justificativa pode ser feita no próprio conjunto, em uma estrutura de atendimento que foi organizada pela Secretaria de Planejamento na sede da construtora que realizou a obra. Incialmente, a data limite era quarta-feira (15), porém a secretaria resolveu estender o prazo. O conjunto foi entregue no dia 11 de novembro de 2019 em solenidade que contou com a presença do presidente da república, Jair Bolsonaro.

Em entrevista à Campina FM, o secretário de planejamento de Campina Grande, Tovar Correia Lima, explicou que quem não se mudou porque não assinou o contrato é tratado como caso específico. “Quem ainda não se mudou porque ainda não assinou o contrato trata-se de um caso específico porque os contratos ainda estão chegando do Banco do Brasil, porque é uma documentação que não está batendo com a documentação original, teve mudança de nome ou algo do tipo. Nós estamos resolvendo”, disse,

Tovar explicou que quem não apresentar à justificativa será tratado como alguém que abandonou o imóvel. “Ela precisa prestar um esclarecimento a Secretaria de Planejamento. Do contrário ela terá uma espécie de abandono do imóvel, ou seja, a gente precisa informar ao Banco do Brasil e ao Ministério Público Federal que aquela pessoa, no prazo que foi definido desde a entrega em novembro, não ocupou a casa. A não ser que essa justificativa seja plausível como no caso de uma pessoa por exemplo que esteja internada. Ela está no hospital e não pode se mudar. Essa pessoa terá um prazo mais elástico”, explicou.

Tovar ainda detalhou o que a pessoa que de repente desistiu do imóvel precisa fazer. ”Se alguma pessoa está usando de má fé porque não quer a casa, ela precisa nos entregar uma carta de desistência para que a gente continue com o programa e chame outras pessoas que estão na lista de espera”, pontuou.  Esta semana seis casas foram invadidas e as pessoas foram despejadas pela Polícia Militar.

Últimas Notícias

Polícia Civil autua suspeito de agredir duas mulheres no Parque do Povo, em Campina Grande

Um caso de agressão contra duas mulheres no Parque do Povo, em Campina Grande, local onde acontece as festas de São João da cidade,...

Governo estuda rever programas sociais e previdência militar para conter gastos

Em discussão interna na equipe econômica, a “ampla, geral e irrestrita” revisão de gastos públicos deve ser analisada posteriormente pelo presidente Luiz Inácio Lula...
spot_img
spot_img
spot_img
Campina Grande
nuvens dispersas
20.9 ° C
20.9 °
20.9 °
100 %
4.1kmh
40 %
sex
24 °
sáb
26 °
dom
23 °
seg
26 °
ter
19 °